Boas ações

341/365 – 7 de dezembro de 2015*

  
Fazer o bem…
Há algum tempo eu achava que fazer o bem era sempre algo bem grande. Como doar cestas básicas para famílias carentes, ou comprar remédios para crianças doentes, doar roupas para grandes tragédias,  distribuir comida para mendigos, várias ações deste tipo. Que aliás, são baitas boas ações.

Fazer o bem é simples e fácil. É proporcionar qualquer tipo de bem-estar ao outro sem desejar nada em troca. Talvez apenas um sorriso ou olhar de agradecimento.

Ser gentil ao telefone é fazer o bem, pegar a folha que a moça deixou cair, correr atrás de uma criança que se machucou, dar um sorriso ou fazer uma cara engraçada para ela. Ouvir sua mãe com atenção, conversar com seus avós sem ficar preso ao celular, dar bom dia, ser afetuoso…

Não acho nada disso difícil.
Você acha?
Bora tentar?
Sua mente agradecerá o bem-estar.

Deleite-se!

Fonte da imagem: acervo pessoal.

* este texto faz parte do meu Projeto 365, que em 2015 foi baseado no livro 365 Dias Extraordinários {O Livro de Preceitos do Sr. Browne}, de R. J. Palacio. Os textos são pensamentos aleatórios, inspirados nas frases do livro, uma para cada dia do ano. E que resolvi compartilhar com vocês agora, em 2016, pois senti muita saudade de blogar.

Anúncios
Esse post foi publicado em Projeto 365. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s