Assumindo riscos

333/365 – 29 de novembro de 2015*

333riscos

Esses dias no trabalho eu enfrentei um grande desafio. Inclusive desempenhando funções que não eram necessariamente minhas.

Sabe quando você vê que o barco está prestes a afundar e sabe o que fazer para impedir? Só que esse fazer não cabe a você. E a quem caberia não houve qualquer envolvimento e percepção? Eu fui lá e fiz.

Não sei ficar de braços cruzados e tampouco deixar algo estourar só para no final se vangloriar com frases do tipo, “eu sabia”. Não sei ser assim, faço o que é possível, assumo as consequências e não tenho medo de assumir erros.

Sempre digo que na vida prefiro passar por pimenta do que chuchu. Eu sou aquela que “quando está escuro, vou lá e acendo a luz”.

Deleite-se!

Fonte da imagem: acervo pessoal.

* este texto faz parte do meu Projeto 365, que em 2015 foi baseado no livro 365 Dias Extraordinários {O Livro de Preceitos do Sr. Browne}, de R. J. Palacio. Os textos são pensamentos aleatórios, inspirados nas frases do livro, uma para cada dia do ano. E que resolvi compartilhar com vocês agora, em 2016, pois senti muita saudade de blogar.

Anúncios
Esse post foi publicado em Projeto 365. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s