Ser gente grande é assustador

167/365 – 16 de junho de 2015*

juventude

A sensação de ter a vida em minhas mãos é ao mesmo tempo magnífica e aterrorizante. Saber que tudo é consequência dos meus atos, das minhas escolhas, da minha maneira de escrever a minha vida é como me vejo sendo gente grande. E isso às vezes assusta, mas também excita.

Deleite-se!

Nota de 2016: ainda hoje, com 34 anos me assusto quando alguém se refere a mim como “aquela mulher”…
ainda me sinto tão “aquela menina”.

Fonte da imagem: acervo pessoal (viajando para SC, provavelmente com uns 18, 19 anos).

* este texto faz parte do meu Projeto 365, que em 2015 foi baseado no livro 365 Dias Extraordinários {O Livro de Preceitos do Sr. Browne}, de R. J. Palacio. Os textos são pensamentos aleatórios, inspirados nas frases do livro, uma para cada dia do ano. E que resolvi compartilhar com vocês agora, em 2016, pois senti muita saudade de blogar.

Anúncios
Esse post foi publicado em Projeto 365. Bookmark o link permanente.

2 respostas para Ser gente grande é assustador

  1. Ana disse:

    Eu já cheguei à conclusão de que nunca vamos nos sentir adultos. Minha mãe de 62 me confessou o mesmo sentimento esse ano. ;)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s