O centenário do blog

O Deleite da Vida tem apenas dois anos e já é um centenário.

Quanto orgulho!

Pois é minha gente, hoje tem o post número 100!!! E que bom ele fazer parte de uma maratona de posts. Melhor jeito de comemorar, impossível.

Aí eu fiquei matutando. Hoje é domingo, dia de não fazer nada, e ao contrário da maratona de Vancouver, que eu deixei diversos posts escritos pra não me atrapalhar, essa maratona dia sim dia não, a coisa está rolando solta. Às vezes deixo um post pronto, mas geralmente tenho escrito na véspera. E o de hoje eu deixei pra hoje mesmo.

E nada melhor do que um post melhores momentos para essa data né não?

– Afinal, do que tanto falei nesses 100 posts?

Receitas

Já repassei por aqui 52 receitas. E a mais acessada é a Torta de Morango. Que delícia. Vocês sabem que amo morango né? O causo relacionado à torta fala dos meus 30 anos. E esse é também um dos posts que mais me emocionei em escrever.

Sabe que parando assim pra analisar eu fico pensando na responsabilidade de colocar uma receita por aqui. Afinal, alguém pode tentar e não dar certo, por vários motivos que quem cozinha sabe bem. Tem receita que simplesmente não rola pra certas pessoas. Eu por exemplo fujo de bolos. Mas uma coisa eu garanto, todas as receitas aqui postadas foram feitas por mim ou acompanhadas por mim, então faça. E se tiver dúvidas é só me mandar uma mensagem.

Livros

Ando fraquinha neste quesito, confesso. Só li 4 livros em 2011, 7 em 2012 e até agora em 2013 apenas 1. E o livro mais acessado pelo blog é o Não Comi, Não Rezei, mas me Amei da escritora brasileira Gisela Rao. Esse é também o post mais acessado do blog.

Estava até brincando com uma amiga esses dias, dizendo que sentia saudades do tempo que morava em São Paulo e ficava cerca de 4 horas por dia no trânsito (de transporte público), porque nessa época eu lia muitos livros. Agora que não preciso pegar ônibus e tenho uma rotina de mulher casada, não consigo encaixar a leitura na rotina, e quando paro pra ler a noite, durmo ao ler duas páginas. Nesse ritmo até dezembro eu termino o Jogo do Anjo do Zafón (leitura atual).

Vancouver

O primeiro post da maratona de Vancouver é também o mais acessado desta série, embora eu tenha um carinho especial pelo post que tirei o dia todinho só pra mim, lotado de fotos lindas. Amo aquele post.

E o mais bacana dessa maratona é que ela trouxe uma galera gente finíssima ao blog. Que me reacenderam a vontade de visitar Vancouver de novo, e em breve.

Eu acabo me identificando muito com esses expatriados, porque de certa forma temos algo em comum, uma vez que também estou longe da família e dos amigos íntimos. E por mais que três dúzias de pessoas digam que vão te visitar e tal, no decorrer de um ano apenas um terço ou menos conseguem esse feito. Ou seja, embora Vancouver esteja a 15 horas de São Paulo, e Goiânia a uma hora e pouco, estamos no mesmo barco, não sendo assim tão fácil pegar um avião a hora que se quer pra ver o povo.

Curiosidades. E alguma bizarrices.

Quem tem blog sabe que as estatísticas mostram as palavras digitadas nos mecanismos de buscas que fazem com que algumas pessoas cheguem ao blog. O meu nem tem tanta coisa bizarra assim, mas algumas merecem ser compartilhadas com vocês. São ao menos curiosas:

Ontem eu fiquei surpresa. Alguém achou o blog digitando “bolinho de bosta”, vocês acreditam? Aí curiosa que sou fui lá tentar, e realmente na página 4 do Google aparece o meu blog, sugerindo o post da dona de casa de merda que eu dou a receita do bolinho de arroz.

– Agora eu te pergunto caro leitor: o que faz alguém digitar “bolinho de bosta” no Google?

E dentre algo bizarro, tem também frase fofinha como: “pão de queijo com queijo parmesão em cima fofinho”.

– Espero que tenha achado minha receita de pão de queijo fofinha também. Ao menos te garanto que é deliciosa.

Agora tem uma busca que me intriga: “comidas de cha de bebe”, porque eu nunca dei receita nenhuma de chá de bebê, e nunca mencionei chá de bebê por aqui. Esse Google é um cara estranho mesmo. E agora tendo escrito chá de bebê três vezes, aumentarei as chances de alguma mamãe se frustrar, pois vai chegar aqui e não vai achar receita nenhuma pra chá de bebê. Quatro vezes agora.

Teve também a “dentuça porem bonita”, que até me solidarizo, embora nunca tenha escrito na busca do Google “orelhuda, porém feliz“.

“Gatos com rabo torto”.

Oi???? Até agora não consegui saber como esse ser veio parar aqui. E por que diabos ele queria ver gatos com rabo torto?

– Nunca saberemos.

“Como anular vizinhos implicantes”: tenho até medo de pensar o que essa pessoa quis dizer com “anular”. Espero do fundo do meu coração, nunca ser sua vizinha. Embora eu tenha falado um bocado mal de alguns vizinhos que tive o desprazer de conhecer.

“Que porra é isso bff”: olha amiga, já digitei algo parecido quando não sabia o que era BFF. Te compreendo. Agora com meu post você já sabe o que é BFF. Coisinha mais adolescente né?

“Gostoxza de goiás velho”: Esse ser estaria procurando doces gostosos? Mulheres gostosas? Cidade gostosa?

– Nunca saberemos parte 2.

“Eu odeio a cidade de vancouver”: então querido(a) pode vazar desse blog. Não admito alguém que não goste de Vancouver. Humpf!

“Puta dona de casa espera marido sair e apronta”: esse ser deve ter pensado que meu blog era pura putaria. Que vergonha. Tudo por causa de um singelo arroz da puta?!?!?! Poxa vida, assim fico chateada.

100 posts em 1oo fotos

E neste post comemorativo relembrei com vocês 100 fotos que pipocaram por aqui no blog. Obrigada por sua companhia nestes 100 posts. Eu sei que sou meio doida, meio mala, meio chorona, meio mãezona, mas sempre encontro gente bacana por aqui. Então vou continuar dando meus pitacos por aí, por mais 100, 200, 300, 1 milhão de posts. hehehe.

E pra não perder o costume e comemorar o post 100 em grande estilo, vou te repassar um dos risotos que é puro sucesso aqui em casa:

Risoto de Palmito

Divinooooooo

Divinooooooo

Ingredientes para duas pessoas: 1 xícara de arroz arbóreo – 1/2 cebola picada – 1 dente de alho picado – 1/2 xícara de vinho branco seco – 1,5 litro de caldo de legumes fervendo – 5 palmitos cortados em rodelas – 4 colheres de sopa de parmesão ralado – 2 colheres de sopa de manteiga ou azeite – sal e pimenta do reino a gosto.

Modo de fazer: primeiro se certifique que o caldo de legumes esteja fervendo com fogo aceso em outra panela (fogo baixo). Refogar a cebola e o alho com 1 colher de sopa de manteiga, quando ficar transparente acrescentar o arroz e refogar mais um minutinho. Acrescentar o vinho e quando secar um pouquinho colocar uma concha de caldo de legumes, esperar secar, acrescentar outra concha, esperar secar, acrescentar outra concha, e assim até que o arroz esteja al dente (processo leva cerca de 18 minutos e cerca de 6 conchas de caldo). E sempre fogo baixo e você com a barriguinha no fogão, mexendo o arroz na panela, caso contrário ele não ficará tão cremoso e corre o risco de grudar. Quando atingir o ponto do arroz e ainda tiver um caldinho cremoso, acrescente o palmito, experimente e se for necessário acrescente sal e pimenta do reino, mexa por um minutinho e desligue o fogo. Acrescente 1 colher de sopa de manteiga e o parmesão, mexa com delicadeza, aguarde 1 minuto com a panela tampada e sirva ainda quente. Eu gosto de salpicar uma cebolinha e também acrescentar azeite e parmesão.

Um vinho vai muito bem com risoto.

Até terça com o post 8/24. Ou o 101 (uhuuuu), como queira.

Deleite-se!

Anúncios
Esse post foi publicado em Devaneios, Projeto 24 posts, Receitas de Risoto/Arroz. Bookmark o link permanente.

2 respostas para O centenário do blog

  1. Livi Souza (Baianos no Polo Norte) disse:

    Parabéns pelos 100 posts yay! Rolando de rir com a sessão bizarrices. Tem umas coisas engraçadas no meu também tipo “raba lanch”, nem sei o que é isso :-)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s