Dicas da Sonia: Um Dia

Depois de ler o espetacular “A Sombra do Vento” e ficar uns bons dias degustando a história na minha cabeça, resolvi ler algo mais leve e descompromissado. O escolhido foi o livro Um dia de David Nicholls. E não é que me surpreendi? De leve e descompromissado ele não tem nada, mas é muito bom.
A única ressalva que tenho a fazer: não achei uma edição com a capa original, mas apenas essa já atualizada com as imagens do filme. Sim, para quem não sabia, o livro já tem uma versão cinematográfica que eu ainda não assisti, mas quero ver. Só comprei porque o filme é estrelado pela minha musa Anne Hathaway – qualquer dia desses conto essa história de amor que surgiu em O Diabo Veste Prada. Rsrs. Vamos ao livro:

Um Dia narra as idas e vindas de Emma e Dexter, recém-formados que se conhecem mais intimamente na noite da festa de formatura de ambos. Até aí parece uma história bobinha já vista em algum lugar, porém cada capítulo do livro representa o dia 15 de julho de cada ano na vida de Dex e Em desde a noite da festa, e assim segue por 20 anos. Cenários como Edimburgo, Londres, Paris, Roma, Bombain e outros vão se mesclando para contar esse romance escrito de forma cativante e apaixonante.

O gostoso de ler este livro é que ele é no esquema narrativa (narrador neutro) e diálogos dos personagens. Fazia um tempão que não lia um livro assim. Pra quem gosta de soltar a imaginação enquanto lê esse é o caminho. E acho que pra quem tem vontade de ler boas histórias, mas é meio impaciente, esse livro pode ser um bom começo.

Atualmente tenho 31 anos (completados dia 24 agora), então dá pra se identificar demais com a história de vida de Dexter e Emma, que começa aos 20 e segue por mais 20 anos. Os heróis da história passam por todas as famosas crises desse período e também por conquistas, e tudo gira em torno da grande amizade com um sabor de algo mais. E o grande x da questão é: quando Emma Morley e Dexter Mayhew vão finalmente ficar juntos? Aliás, eles vão ficar juntos?

O livro vai te fazendo odiar o jeito largadão de Emma, a mania de ser sempre tão dura e certinha e tão politicamente correta. Ao mesmo tempo que a vida livre e de playboy de Dexter, cheia de grana, fama, mulheres, drogas e festas te faz até invejar a vida do rapaz. E dentre tantos anos eles se amam, se odeiam, brigam, partilham muita coisa juntos, e aos poucos, mas não inesperadamente, vão passando por grandes transformações, e os papeis se invertem de forma clara e com uma pontinha de tristeza também.

Amei o personagem Emma Morley. Me identifiquei demais com sua timidez escondida na dureza das ideias, sua insegurança por trás das más escolhas profissionais, na vida contida de não se jogar nas paixões, mas principalmente em ver tudo isso ser superado e tendo como mola propulsora a escrita, que a levou para o alto, a fez se descobrir como mulher, a desabrochar pra vida. Lindo personagem.

O bacana da história é que apesar de se sentir uma grande tensão amorosa no ar, o que move a vida desses dois é a amizade que um nutre pelo outro. Aquela vontade incontrolável de contar algo na hora, a necessidade de mostrar algo bacana pro outro, enfim a lembrança que se tem do amigo quando algo acontece. E tem gente que ainda se preocupa em estragar uma amizade por, depois de um tempo, sentir algo a mais pelo amigo.

Quero muito ver o filme apenas para fortalecer as passagens mais memoráveis, mas já sei que a história criada e passada na minha cabeça são muito mais completas e interessantes, porque foram imaginadas por mim. Depois te conto o que achei.

Deleite-se com a leitura!

Anúncios
Esse post foi publicado em Dicas da Sonia. Bookmark o link permanente.

7 respostas para Dicas da Sonia: Um Dia

  1. Ana disse:

    Eu já estava super curiosa pra ver esse filme, agora quero ler o livro também! Um dia. :)

    • Eu esperei ler o livro primeiro, pq me interessei muito pela história. Agora preciso arrumar “um dia” pra ver o filme, com certeza mais fácil do que encaixar outro livro né? rs

      • Ana disse:

        Tati, terminei esse livro hoje e vim aqui pra dizer que não gostei! hahahahahaha Que RAIVA! Não podia ter terminado assim! Só não vou falar pra não dar spoilers pra outros leitores seus que ainda não leram o livro. Acho que o filme deve ser melhor nesse caso, ainda não vi, mas é o tipo de filme que eu curtiria. Como livro, teve várias passagens que eu achei bem maçantes, tipo em momentos que o autor se concentrava em personagens secundários…

        Eu curti sim a questão das fases da vida, e me identifiquei super com isso! Por isso valeu a leitura, porque ele sabe dar palavras a esses sentimentos que sentimos em cada fase da nossa vida. Muito bacana isso.

        Obrigada pela indicação! Espero que você esteja bem. Beijo!

  2. Luciana disse:

    Vim te agradecer o carinho… Obrigada, querida! E dizer que volto depois, pois quero ler todas suas indicações de livro com cuidado. Depois desse tornado que tem sido lançar um site (wow!), espero ter cabeça pra voltar a ler uns bons livros à noite! Tão bom!!!

    Beijos!

    • Imagina, eu realmente acho o seu trabalho lindo. Fora que adoro ler seu blog, seu jeito de escrever é cativante, engraçado, gosto de verdade. E volte sempre por aqui. Ando numa loucura também pra atualizar com mais coisas, mas pelo menos um livrinho por mês eu faço questão de colocar aqui. Bjss.

  3. Pingback: Dicas da Sonia: O Clube do Filme | Deleite da Vida

  4. Pingback: Leituras do segundo semestre de 2013 | Colorida Vida

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s